ANÁLISE DA QUALIDADE DAS ÁGUAS SUBTERRÂNEAS E DETERMINAÇÃO DO ÍNDICE DE VULNERABILIDADE DO AQUÍFERO SERRA GERAL NO MUNICÍPIO DE MEDIANEIRA - PR

0
0
108
2 months ago
Preview
Full text

RAFAEL FLORES DE CAMPOS ANÁLISE DA QUALIDADE DAS ÁGUAS SUBTERRÂNEAS E DETERMINAđấO DO ễNDICE DE VULNERABILIDADE DO AQUÍFERO SERRA GERAL NO MUNICÍPIO DE MEDIANEIRA - PR

  O valor de pH tem influência sobre a solubilidade de muitos solutos e somente alguns íons como cloreto, potássio e nitrato sofrem poucas variações de Em 1909, Sörensen criou a escala de pH, ou de potencial hidrogeniônico, grandeza que define o fator de intensidade de acidez, que se baseia no antilogaritmo Esta escala indica a acidez, neutralidade ou alcalinidade de uma solução aquosa. Para as análises dos cátions de sódio (Na ) e potássio (K ) foi empregada a técnica de espectrometria de emissão atômica com chama espectrometria de 2+ emissão atômica com chama enquanto que para os cátions de cálcio (Ca ) e 2+ magnésio (Mg ) utilizou-se o procedimento de espectroscopia de absorção atômica, ambas realizadas no mesmo equipamento.

Assessment Review. v.51, p. 38 –49, 2015

  Caracterização hidroquímica e avaliação de uso das águas subterrâneas na microrregião de Unaí, Bacia do São Francisco, NW de Minas Gerais - Brasil.1st Joint World Congress onGroundwater , 2000, Fortaleza. Levantamento de dados geomorfológicos e hidrogeológicos para mapeamento de vulnerabilidade de contaminação do Aquífero Guarani nos municípios de Portão e EstânciaVelha/RS utilizando o método DRASTIC.

Novo documento

RECENT ACTIVITIES

Tags

Documento similar

A QUALIDADE DAS ÁGUAS SUBTERRÂNEAS NO CAMPUS DO PICI – FORTALEZACE
0
0
65
QUALIDADE DAS ÁGUAS NOS RIOS GUALAXO DO NORTE, GUALAXO DO SUL E DO CARMO, AFLUENTES DO ALTO RIO DOCE (WATU): METAIS, METALOIDES E ÍNDICE DE QUALIDADE DAS ÁGUAS
0
0
224
OTIMIZAÇÃO DO ÍNDICE DE QUALIDADE DA ÁGUA POR MEIO DE ANÁLISE ESTATÍSTICA MULTIVARIADA
0
0
110
VI-029 - MONITORAMENTO DA QUALIDADE DO AR NO MUNICÍPIO DE ITABIRA, MG: AVALIAÇÃO DOS RESULTADOS EM ANOS RECENTES (199799) E DAS PERSPECTIVAS DE MODERNIZAÇÃO DA REDE DE MONITORAMENTO NO CONTEXTO DO LICENCIAMENTO AMBIENTAL CORRETIVO DA CVRD
0
0
12
A TECNOLOGIA SIG APLICADA AO ESTUDO DA VULNERABILIDADE À POLUIÇÃO DAS ÁGUAS SUBTERRÂNEAS NA BACIA HIDROGRÁFICA DAS RIBEIRAS DO OESTE
0
0
137
DIAGNÓSTICO DOS EMPREENDIMENTOS SUINÍCOLAS NA BACIA DO RIO PIRANGA E O ÍNDICE DE QUALIDADE DE ÁGUAS SUPERFICIAIS – IQA
0
0
160
PROBLEMÁTICA DO ABASTECIMENTO DE ÁGUA E SANEAMENTO DE ÁGUAS RESIDUAIS NO MUNICÍPIO DO LUBANGOANGOLA Júlio Fernando Tyilianga
0
0
127
Programa de Pós-Graduação em Engenharia Urbana ANÁLISE DO MANEJO DAS ÁGUAS PLUVIAIS NO MUNICÍPIO DE SÃO CARLOS - ESTUDO DA BACIA DO CÓRREGO SANTA MARIA DO LEME
0
0
169
DETERMINAÇÃO DA VELOCIDADE E SENTIDO DO FLUXO DE ÁGUAS SUBTERRÂNEAS UTILIZANDO RADIOISÓTOPOS PELA TÉCNICA DO POÇO ÚNICO
0
0
10
ESTUDO DA SAÚDE OCUPACIONAL DO PROFISSIONAL DE ENFERMAGEM EM HOSPITAIS PARTICULARES NO MUNICÍPIO DE TANGARÁ DA SERRA - MT
0
0
73
PANORAMA DO MONITORAMENTO DE QUALIDADE DA ÁGUA NO LAGO PARANOÁ - UMA ANÁLISE PRELIMINAR
0
0
19
PROPOSIÇÃO DE UM ÍNDICE DE QUALIDADE DE ÁGUA PARA IRRIGAÇÃO (IQAI) COM BASE NO MONITORAMENTO E CARACTERIZAÇÃO DE ÁGUAS SUPERFICIAIS EM AMBIENTES RURAIS DO CERRADO
0
0
87
MAPEAMENTO DAS ARÉAS DE RISCO À INUNDAÇAO NO MUNICÍPIO DE RIO GRANDE DA SERRA - SP
0
0
48
Déborah Bosco Silva ÍNDICE DE QUALIDADE DA ALIMENTAÇÃO ESCOLAR NO ÂMBITO DO PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR - PNAE
0
0
104
O USO PEDAGÓGICO DAS TECNOLOGIAS DE VÍDEO E TELEVISÃO: ANÁLISE DO PROGRAMA TV ESCOLA NO MUNICÍPIO DE TUBARÃO - SC
0
0
138
Show more