Lei n.º 2153 Regulamenta a Concessão de Pensão Especial

99 

Full text

(1)

Lei nº 2.153, de 30 de novembro de 1972.

Regula a concessão de pensão especial aos beneficiários dos funcionários civis e dos integrantes da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros, de investidura estadual.

O Governador do Estado da Guanabara:

Faço saber que a Assembléia Legislativa do Estado da Guanabara decreta e eu sanciono a seguinte lei;

Art. 1º Aos beneficiários do funcionário civil falecido em conseqüência de agressão sofrida no desempenho de função policial ou de segurança, será concedida pensão mensal

equivalente ao vencimento mais as vantagens percebidas por ocasião do óbito.

Art. 2º Aos beneficiários do integrante da Polícia Militar ou do Corpo de Bombeiros, de investidura estadual, falecido em conseqüência de acidente ocorrido em serviço ou de moléstia nele adquirida, é assegurada pensão mensal equivalente a dez nonos do

vencimento percebido à data do óbito ou daquele correspondente ao posto ou graduação a que o morto seja promovido.

§ 1º A prova das circunstâncias do falecimento será feita em inquérito ou por atestado de origem, conforme o caso.

§ 2º Se a morte decorrer de ferimento recebido, de acidente ocorrido, ou moléstia adquirida em operação de guerra, na defesa ou na manutenção da ordem interna, a pensão de que trata este artigo será igual a quatro terços do vencimento do falecido ou daquele correspondente ao posto ou graduação a que seja promovido

Art. 3º O valor da pensão de que trata o artigo 2º desta lei não poderá ser inferior à de aspirante–a-oficial, para os alunos das Escolas de Formação de Oficiais, e à de 3º Sargento para os cabos e soldados.

Art. 4º Do valor da pensão concedida pela presente lei serão abatidas as importâncias correspondentes à pensão recebida do IPEG e outras pensões concedidas pelo Estado. Art. 5º A habilitação dos beneficiários à percepção da pensão prevista no artigo 2º dessa lei, observada a linha de sucessão vigente para os contribuintes d pensão militar, será feita junto às Corporações respectiva, às quais competem os atos administrativos correlatos e o pagamento correspondente.

Art. 6º As pensões a que se referem os artigos anteriores aplicam-se aos beneficiários de todos os que faleceram, nas condições neles previstas, desde a data da criação do Estado da Guanabara, mas somente serão devidas a partir do início da vigência desta lei.

(2)

Rio de Janeiro, 30 de novembro de 1972; 84º da República e 13º do Estado da Guanabara. A . DE P. CHAGAS FFREITAS

Figure

Updating...

References

Updating...

Download now (2 pages)