Os agregados apresentam um papel relevante no concreto pela sua resistência, estabilidade dimensional e durabilidade

 0  0  22  2019-03-12 12:36:07 Report violated document

  AGREGADOS

  INTRODUđấO

  Profa. Eliana Barreto Monteiro

  1 AGREGADOS Ố INTRODUđấO DEFINIđấO

  Material Granular, sem forma e volume definidos, geralmente inerte, de dimensões e propriedades adequadas para uso em obras de engenharia.

  Compostos de Grãos: MINERAIS LIMPOS DUROS

  DURAVEIS ESTÁVEIS COMPACTOS

  2 AGREGADOS Ố INTRODUđấO DEFINIđấO

  AGREGADOS Ố INTRODUđấO DEFINIđấO

  Os agregados apresentam um papel relevante no concreto pela sua resistência, estabilidade dimensional e durabilidade

  4

  4

  5

  5

  6

  7

  7

  8

  8 PRINCIPAIS EMPREGOS DOS AGREGADOS

  9 Drenagem Leito de ferrovias

10 PRINCIPAIS EMPREGOS DOS AGREGADOS

  Estabilização de solos e fundações

  Pavimentação (revestimentos e bases)

  10

11 PRINCIPAIS EMPREGOS DOS AGREGADOS

  11

12 PRINCIPAIS EMPREGOS DOS AGREGADOS

PRINCIPAIS EMPREGOS DOS AGREGADOS

13 Argamassa e concretos estruturais

  14 AGREGADOS Ố INTRODUđấO

  15 AGREGADOS Ố INTRODUđấO

  13

  14

  AGREGADOS Ố INTRODUđấO

  16

  16

  17

17 IMPORTÂNCIA

  Características dos agregados que são importantes para tecnologia do concreto

   Porosidade

   Composição

  Composição granulométrica mineralógica da rocha

   Absorção de água matriz

   Forma e textura superficial das partículas

   Resistência a compressão 18 IMPORTÂNCIA

  Características dos agregados que são importantes para tecnologia do concreto Características Físicas

  Intervêm no Modificação de volume por comportamento variação de umidade do concreto Características Químicas Reação com os álcalis do cimento 19

  19 IMPORTÂNCIA

  Características dependentes da porosidade: massa  específica, absorção de água, resistência, dureza. Características dependentes da exposição e  fabricação: tamanho, forma e textura das partículas

  Características dependentes da composição química e

  • mineralógica: resistência, dureza e substâncias deletérias
  • 20

      20 IMPORTÂNCIA ECONÔMICA Custo agregado ≤ Custo cimento

      

       Produção Nacional: 200 milhões de ton/ano >

    3 Ocupam 60 a 80 % em 1 m concreto

       produção de ferro 21

      22  Trabalhabilidade

      Influencia muitas propriedades do concreto

      IMPORTÂNCIA TÉCNICA

      23  Retração por Secagem

      (Redução)

      IMPORTÂNCIA TÉCNICA

      24 

      Propriedades mecânicas (os agregados de boa qualidade tem resistência mecânica superior à da pasta).

      IMPORTÂNCIA TÉCNICA

      22

      23

      IMPORTÂNCIA TÉCNICA  Desgaste por abrasão

      (aumento da resistência ao desgaste)

      25

      25 IMPORTÂNCIA TÉCNICA  Mineração e uso de agregados naturais, nas cidades

      brasileiras, não é feita com enfoque de sustentabilidade ambiental

      26

      26 IMPORTÂNCIA TÉCNICA  Pesquisas de resíduos dos mais diversos tipos como

      agregados, em concretos e argamassas

      27

    QUANTO AO TAMANHO

    28 CLASSIFICAđấO

      29 CLASSIFICAđấO

      30 Agregado graúdo (brita):

      4,8 mm a 50 mm

      Agregado miúdo (areia):

      4,8 mm a 75 mm

      CLASSIFICAđấO

      28

      29

      CLASSIFICAđấO AGREGADO MIÚDO

       Agregado que passa na

      Tolerância: Se um peneira agregado fino apresentar até 15 %

      ≤ de material

      mais grosso do que 4,8 mm, será ele de 75 µm a 4,8 mm ainda globalmente considerado como agregado miúdo. 31

      31 CLASSIFICAđấO AGREGADO GRAÚDO

      Agregado que fica retido na peneira

      >

      Tolerância: Se um agregado grosso apresentar até 15 % de material passando pela peneira de 4,8 mm a 50 mm de 4,8 mm, será ele ainda globalmente considerado como agregado graúdo. 32

    32 CLASSIFICAđấO

      33 CLASSIFICAđấO  Material encontrado

      fragmentado na natureza, quer no fundo do leito dos rios quer em jazidas, retido na peneira 4,8 mm

      34

      34 CLASSIFICAđấO  Material encontrado no estado natural,

      passando na peneira 4,8 mm 35

      35 CLASSIFICAđấO  Material obtido da

      trituração de rocha e retido na peneira 4,8 mm

      36 CLASSIFICAđấO  Dimensões agregados para concreto Brita 3 (até 38 – 50 mm)

      Brita 2 (até 25 – 38 mm) Brita 1 (até 19 – 25 mm) Brita 0 (até 12,5 – 19 mm) Pedrisco (até 9,5 mm) Pó de pedra e areia < 4,8 mm Areia Grossa (até 4,8 – 6,3 mm) Areia Média (até 1,2 – 2,4 mm) Areia Fina (0,6 a 0,15 mm) Materiais Pulverulentos < 75 µm 37

      37 CLASSIFICAđấO  Dimensões agregados para concreto

      38

      38 CLASSIFICAđấO QUANTO A ORIGEM

      39 CLASSIFICAđấO

      AGREGADOS NATURAIS

      Seixos Rolado Areias As vezes é necessário:

      LAVAGEM CLASSIFICAđấO 40

    40 CLASSIFICAđấO

      AGREGADOS NATURAIS  Aqueles que são encontrados na natureza já sob a forma de agregados

      Areias (agregado miúdo)

      41

      41  As propriedades químicas, físicas e

      mecânicas dos agregados naturais dependem: Da composição

      Da textura mineralógica da e estrutura rocha matriz; interna; Do grau de

      Da sua própria alteração da alterabilidade rocha da qual em serviço foi obtido; 42

      43  Aqueles que necessitam de um trabalho de afeiçoamento

      pela ação do homem, a fim de chegar á situação de uso como agregado

      Areia artificial Brita

      obtidas por trituração da rocha AGREGADOS ARTIFICIAIS

      O termo artificial, aqui é usado quanto ao modo de obtenção, e não com relação ao material em si

      CLASSIFICAđấO

      44 AGREGADOS ARTIFICIAIS CLASSIFICAđấO

      45 Economicamente viável quando:  Locais onde o agregado de boa qualidade é escasso

       O custo de disposição do entulho é incluído na análise econômica AGREGADOS ARTIFICIAIS

      CLASSIFICAđấO

      43

      44

      CLASSIFICAđấO QUANTO A MINERALOGIA

      46

      46 CLASSIFICAđấO

      São formadas pelo resfriamento do magma

      DEFINIđấO:

      (material rochoso em fusão) acima, abaixo ou próximo da superfície terrestre. Seu componente principal é a sílica. Podem estar:

      Cristalizadas de acordo com a velocidade

      de esfriamento

      Amorfas Quimicamente mais reativas 47

      47 CLASSIFICAđấO

      : são rochas usualmente depositadas

      DEFINIđấO

      debaixo d’ água, embora a ação ocasional dos ventos e geleiras seja importante.

      Rochas com grãos na faixa de Arenito dimensão da areia

      49 São as rochas

      carbonáticas de maior variedade

      Variam desde calcário puro (calcita) até o dolomito

      (dolomita) Calcários

      Comparadas com as rochas Ígneas as rochas sedimentares frequentemente

      Contêm impurezas que as vezes comprometem seu uso como agregado

      CLASSIFICAđấO

      50 DEFINIđấO: São rochas magmáticas ou sedimentares

      que tiveram alteradas a sua textura original, estrutura cristalina ou composição mineralógica, face a condições químicas e físicas abaixo da superfície terrestre.

      Mármores

      CLASSIFICAđấO

      51 CLASSIFICAđấO QUANTO A DENSIDADE

      49

      50

      CLASSIFICAđấO Usado na produção de concreto leves  A menor massa é devido a microestrutura  celular ou altamente porosa Concreto Leve A densidade desse concreto varia de

      400 a 1800 kg/m³. Os tipos mais comuns são o concreto celular espumoso, concreto com isopor e concreto com argila expandida. É aplicado em: enchimento e regularização de lajes, pisos e elementos de vedação. As vantagens são: redução de peso próprio e isolante termo-acústico; 52

      52 CLASSIFICAđấO Características:

       Capacidade de isolamento térmico e Acústico

      Tipos:

       Celulares; Utilização:

        Produzidos com agregados Usado em locais onde não exige grande esforços; leves (Isopor, Vermiculita e

       Regularização de lajes (Inclinação); Argila expansiva)

       Fabricação de blocos;  Envelopamento de tubulações.

      Fonte: Correia, 2016

      53 CLASSIFICAđấO

      54 CLASSIFICAđấO

      55

      55 CLASSIFICAđấO Paredes de Concreto Celular 56

      56 CLASSIFICAđấO 3 3 2000 kg/m <  < 3000kg/m Concreto normal -Utilizado na maioria das obras civis. É aplicado em obras civis, industriais e em peças pré-moldadas. As vantagens são: aumento da durabilidade e qualidade final da obra, redução dos custos da obra e redução no tempo de execução; 57

      Obra usual de Construção Civil CLASSIFICAđấO

      59  >3000 kg/m 3 Concreto Pesado - É um produto de alta densidade, variando de 2800 a 4500 Kg/m³, com a utilização de agregados especiais tipo hematita e magnetita, usado em hospitais e usinas nucleares. Oferece maior capacidade e proteção contra radiações.

      CLASSIFICAđấO

       Usinas Nucleares (Radiação);

       Barragens (Onde o peso é

      importante para reduzir as dimensões);

       Anteparo de radiações (Hospitais)

      Agregados:

       Graúdos: Barita, Magnetita, Limalha de ferro, Bolas de aço e chumbo.

       Miúdos: Areias artificiais dos mesmos materiais.

      Cuidados:

       Elevado Calor de hidratação Fissuras;  Segregação do agregado graúdo;

      Fonte: Correia, 2016 CLASSIFICAđấO

      58

      59

    60 Utilização:

      61 Unidade de Produção de Radio Fármacos (Melo, 2011) CLASSIFICAđấO

      62 CLASSIFICAđấO QUANTO A ORIGEM

      63 Residuais

      depósitos encontrados nas proximidades da rocha matriz

      Eólicos

      depósitos de material muito fino, que são formados pela ação do vento

      Aluviais

      são depósitos formados pela ação transportadora das águas, podendo ser fluviais ou marítimos

      CLASSIFICAđấO

      61

      62

      CLASSIFICAđấO QUANTO AO TIPO DE JAZIDA

      65

      praias e fundos do mar

      Bancos

      quando a jazida se forma acima do leito do terreno

      Minas

      quando formada em subterrâneo

      Rios

      podem formassem nos leitos e nas margens

      Mar CLASSIFICAđấO

      64

      65

RECENT ACTIVITIES
Autor
Documento similar
Tags

Os agregados apresentam um papel relevante no..

Livre

Feedback