RETOMANDO A AULA ANTERIOR

Livre

0
0
29
8 months ago
Preview
Full text

  CURSO : ADMINISTRAđấO /UNAES/2016 PROCESSOS LOGÍSTICOS

SISTEMA INOVADOR DA KROTON

  

Com objetivo de atender aos novos desafios da Educação Superior, a

Kroton desenvolveu um sistema de ensino inovador, que está pautado

em três grandes alicerces:

  a) promoção da empregabilidade dos alunos;

  b) foco em qualidade e inovação e; c) oferta em escala.

AULAS INVERTIDAS

  São três tempos didático:

  a) Pré-aula;

  b) Aula e; c) Pós-aula.

  

Pensados para promover interação, aprendizado coletivo e uso

dos saberes (saber, fazer, ser e conviver) por meio da

problematização e da imersão em situações concretas da

realidade profissional.

  2

  3 RETOMANDO A AULA ANTERIOR

  PARA VENCER ESSES DESAFIOS A EMPRESA TEM QUE ESTAR INTEGRADA E COM UMA GESTÃO MUITO BEM ALINHADA Logística Integrada

  5 Interface

Cooperação entre Marketing e Logística

  

Interface Marketing & Logística

  1. Revisar o desempenho da previsão.

  

2. Discutir as futuras ações de marketing planejadas e produtos

afetados.

  

3. Estabelecer futuras mudanças de mercado e a influência nas

previsões.

  4. Discutir problemas de abastecimento e as conseqüências.

  

5. Analisar a condição das medições de desempenho da previsão e

o estoque de segurança para diferentes produtos.

  6. Investigar novas possibilidades de melhoria.

  6

  Destaca-se entre as principais atividades da Logística:

  Transporte e tráfego. Armazenagem e estocagem. Informação (comunicação de distribuição). Controle de inventário. Processamento de pedidos. Serviço ao cliente. Compras e previsão de volume de pedidos. Escolha do local para fábrica e armazéns. Movimentação de materiais. Serviço de fornecimento de peças. Remoção de lixo, reciclagem e descarte final. Embalagem. Devolução de mercadorias.

  7

  

Atividades de apoio contribuem para a realização das atividades

básicas. • Armazenamento. • Movimentação de Materiais. • Embalagem e Unitização. • Compras e Suprimentos. • Programação da Produção. • Manutenção de Informações.

  8

  9 RESPOSTAS DA AULA UNIDADE 1 SEđấO 1.1; SEđấO 1.2

  Questionário - Tema: Aula 1

  1. No início da logística empresarial foram extraídos do conceito militar, onde os movimentos realizados tinham como função básica? a) Movimentar Tropas.

  b) Movimentar Arsenais.

c) Movimentar Arsenais e Soldados.

  d) Movimentar Suprimentos.

  e) Movimentar Informações.

  2. Três grandes aspectos podem resumir a importância da logística empresarial: A) Globalização; redução de custos; combater a concorrência.

B) Obtenção de vantagem competitiva; redução de custos; agregação de valor.

  C) Diferenciação entre fornecedores; maiores ganhos financeiros; agregação de valor.

  D) Obtenção de vantagem competitiva; melhorar o ambiente de trabalho; organização.

  E) Aumentar ciclo de vida dos produtos; melhorar o faturamento; criar novos controles.

  3. A logística é um termo recente no ambiente empresarial, desta forma podemos afirmar:

  A) É um conceito desenvolvido no Japão pós-guerra, devido à necessidade de eliminar desperdícios.

  B) Um conceito meramente empresarial que não pode ser aplicado em outras atividades.

  C) O termo logística surgiu da palavra lógica, devido à necessidade de planejamento lógico de matéria-prima.

D) Uma estratégia militar que foi adequada superficialmente ao ambiente empresarial.

  E) É um esforço integrado com o objetivo de ajudar a criar valor para o cliente pelo menor custo

  10 total possível.

  Questionário - Tema: Aula 2

  1. Os Subsistemas da Logística são divididos por alguns elementos conhecidos como setores, quais são eles? a) Suprimentos e Produção.

  b) Produção, Suprimentos e Reversa.

c) Suprimentos, Produção, Distribuição e Reversa.

  d) Apenas Distribuição e Reversa.

  e) Distribuição, Suprimentos e Produção.

  2. Qual é a alternativa que corresponde aos tipos de atividades verificadas de fluxos reversos: a) Pós-produção e pós-venda.

b) Pós-consumo e pós-venda.

  c) Pós-venda e pré-distribuição.

  d) Pós-produção e pós-distribuição.

  e) Pós-vendas e pré-consumo.

  3. Em termos de custos, as atividades básicas representam 2/3 do total dos gastos das operações logísticas brasileiras (CAIXETA-FILHO, 2001). São consideradas como atividades básicas: a) Transporte, Informação e Estoque.

  b) Transporte, Armazenagem e Movimentação.

  c) Transporte, Armazenagem e Estocagem.

  d) Armazenagem, Estocagem e Informação.

  11 e) Estocagem, Embalagem e Movimentação.

LOTE ECONOMICO DE COMPRA S/ FALTA

  Prof.Adm.MSc.Antonino Salvatierra Como exemplo de um dos pedidos de seus clientes: A empresa para poder atender certa demanda do lote econômico tinha como Custo de armazenagem por Peça/Ano de R$2,10, sendo que o consumo de uma peça estava em torno de 30.000 Unidade/Ano. O seu departamento de pedidos calculou um custo de pedido estimado em R$700,00. O fornecedor principal da empresa favoreceu dando prioridade a reestruturação e liberou o preço unitário de compra R$3,00. Diante da situação da formação do Lote econômico de compra Calcule:

  2 B C Q

  I

  • • Como podemos reduzir as perdas de clientes através da

    agregação de valor na cadeia de operações logísticas?

  • • O que é agregar valor através da logística?

  • • O que é cadeia de valor?

  14

  TEMA DE AULA 3 U1 – 1.3

LOGÍSTICA E VALOR PARA O CLIENTE

  TEMA DE AULA 3 U1 – 1.3

LOGÍSTICA E VALOR PARA O CLIENTE

  De maneira geral, é possível observar que a logística tem o

  

potencial de agregar valores e integrar os recursos,

maximizando os resultados .

  CLIENTE

EMPRESARIAL ALINHANDO

  

Com Isso consegue explorar novas oportunidades de mercado e permanecer

  15

  16 Como a MP: Armazenada? Como a MP:

  Transportada? Como o produto: Fabricado,

  Armazenado e Distribuído?

  Segundo Neves (2005), logística tem valor quando são considerados os oito Rs:

  Right (Certo)

  1. Right Material – Material Certo.

  2. Right Quantity – Quantidade Correta.

  3. Right Quality – Qualidade Justa.

  4. Right Place – Lugar Certo.

  5. Right Time – Tempo Correto.

  6. Right Method – Método Adequado.

  7. Right Cost – Custo Justo.

  8. Right Impression – Boa Impressão.

  17

  18 Vamos “mergulhar” SITUAđấO DA REALIDADE PROFISSIONAL (SR): NA ÚLTIMA AULA

  VAMOS TRABALHAR SCM COM CENTRO DE DISTRIBUIđấO

  19 RESPOSTAS DA AULA UNIDADE 1 SEđấO 1.3

  1. A percepção do cliente quanto aos benefícios, aos custos da compra e uso dos produtos e serviços é denominada: a) Publicidade.

  b) Brand equity.

  c) Mix marketing.

d) Valor para o cliente e) Benchmarking.

  2. Os _________ são desenvolvidos com foco nas necessidades dos clientes. Se o cliente não perceber __________ nas ofertas do banco, ele pode trocar de fornecedor, transferindo seus negócios para algum__________.

  a) produtos; custos; escritório

  b) serviços; valor; concorrente

  c) serviços; custos; concorrente

  d) projetos; ousadia; local seguro

  e) serviços; valor; escritório

  3. O Valor, na visão do Cliente, representa a equação abaixo:

  a) Valor para o cliente = Benefícios percebidos - Custos de Mudança

  b) Valor para o cliente = Benefícios percebidos - Custos Percebidos

  c) Valor para o cliente = Vantagens - Custos Operacionais

  d) Valor para o cliente = Atributos - Custos Percebidos

  e) Valor para o cliente = Benefícios percebidos - Custos Operacionais

  20

  ANALISE EXERCÍCIOS CUSTOS LOGÍSTICOS MODELOS EXERCÍCIOS

  

Custos logísticos

são todos os , entre os quais se

podem destacar os custos de ), custo de ruptura de

stock, custos de processamento de encomendas

e

  Custos logísticos

  Os custos logísticos são, geralmente, os segundos mais importantes, só ultrapassados pelos custos da própria

  Por isso, saber gerir esses custos pode ser crucial para a sobrevivência da .

  A gestão destes custos é feita através do planejamento de custo ou do pré-cálculo de custo pois estes permitem determinar os padrões de custo de produção ou produto/mercadoria

  23

  

Uma Indústria do ramo farmacêutico que atua no

comércio internacional pretende entrar no mercado

asiático e solicita que sejam calculados todos os custos

logísticos dos seus produtos até o consumidor final.

Portanto você está sendo convidado em elaborar uma

estratégia onde seus produtos cheguem até o mercado local

competitivo. Os cenários determinados para este caso são

  Os preços dos produtos até o consumidor final (qualquer Pais) dos concorrentes locais estão para U$ ou €: (C-1) U$- - (C-2) U$- .

  • – (C3) U$-

  Taxa de cambio – U$ a taxa do dia

  

FABRICA

  • •O valor do produto (Pode ser PCI / MP BRASIL /

  IMPORTAđấO

  • Impostos (ICMS/IPI), sobre vendas ao distribuidor
  • •Transportes até o distribuidor (Custo, Frota Própria

    =Motorista, Combustíveis, Manutenção)
  • Impostos (ICMS/PIS/COFINS) sobre fretes

  

DISTRIBUIDOR

  • Custo do Distribuidor (Operacional)
  • Imposto Sobre Venda ao Varejista •Lucro ao Distribuidor

  

VAREJISTA

  • Custo do Varejista (Operacional)
  • •Impostos e Encargos Sociais (ICMS/ISS/INSS) Sobre

    Venda ao Consumidor •Lucro pretendido de vendas

  

Estratégias: Estratégia utilizada para o exercício

a) Reduzir em X % o lucro do Distribuidor e do Varejista b) Importar matéria prima no exterior entre outras.......

  

Informações adicionais: Somente na Estratégia.

Matéria prima U$- X - Embalagem - U$ - X - Imposto cobrado

pela matéria prima do mercado asiático

  • – X%

  

Para importação da matéria prima, seguir roteiro básico:

  • Pesquisa de Mercado - Cotação de preço no Exterior - Estimativa dos Custos do Importador – Procedimento Cambial – Desembaraço Aduaneiro - Menor dependência de fornecedores locais
    • – Atualização Tecnológica constante
    • – Maior competitividade interna – Abertura de novos mercados
    • – Incremento de produção/ Turn-over – Abertura de novos canais de crédito e financiamentos.

  Preço de venda Fabrica Distribuidor Varejista Consumidor

  Liquido de impostos - fabrica p/distribuidor Impostos sobre vendas ao distribuidor Transporte até o Distribuidor (Liquido de Impostos) Impostos sobre fretes Preço de Venda Fabrica p/ o Distribuidor (CIF) Valor Total pago pelo Distribuidor Custo do Distribuidor Imposto sobre venda ao Varejista Lucro do Distribuidor Preço de Venda do Distribuidor ao Varejista (FOB) Valor total pago pelo Varejista Custo do Varejista Imposto sobre venda ao Consumidor Lucro do Varejista Preço de venda do Varejista ao Consumidor Custo do Consumidor

  28 Dividir em grupos: Leitura e resolução de situações relacionadas ao conteúdo.

  Se você quiser mais

algum esclarecimento

ou ajuda, não deixe de

fazer contato!

  FUI...

  

Adm.antoninosalvatierra@gmail.com

Novo documento

Tags

Documento similar

A CONJUGAÇÃO DE VERBOS IRREGULARES POR CRIANÇAS FALANTES NATIVAS DE PORTUGUÊS BRASILEIRO: UM ESTUDO SOB O VIÉS DA FONOLOGIA E MORFOLOGIA LEXICAL
0
0
22
CONJUGATION OF IRREGULAR VERBS BY NATIVE BRAZILIAN PORTUGUESE SPEAKING CHILDREN: A STUDY IN THE LIGHT OF LEXICAL PHONOLOGY AND MORPHOLOGY
0
1
22
A AQUISIÇÃO DAS VOGAIS PRETÔNICAS EM PORTUGUÊS BRASILEIRO
0
0
32
Souza-Cardoso e Boccioni: movimentos analógicos em confronto Souza-Cardoso and Boccioni: A Comparison of Similar Movements
0
0
16
Souza-Cardoso and Boccioni: A Comparison of Similar Movements Souza-Cardoso e Boccioni: movimentos analógicos em confronto
0
0
16
A vanguarda florentina de Lacerba e Portugal Futurista: afinidades e divergências The Florentine Vanguard of Lacerba and Portugal Futurista: Affinities and Differences
0
0
19
The Florentine Vanguard of Lacerba and Portugal Futurista: Affinities and Differences A vanguarda florentina de Lacerba e Portugal Futurista: afinidades e divergências
0
0
19
A ironia como zona de confronto entre diferentes vozesdizeres em comentários do Facebook Irony as a Zone of Confrontation between Different VoicesVoicings in Facebook Comments
0
0
23
Irony as a Zone of Confrontation between Different VoicesVoicings in Facebook Comments A ironia como zona de confronto entre diferentes vozesdizeres em comentários do Facebook
0
0
26
Novos percursos da ciência: as modificações da divulgação científica no meio digital a partir de uma análise contrastiva New Paths for Science: A Contrastive Discourse Analysis of Modifications in Popularizing Science through Digital Media
0
0
23
New Paths for Science: A Contrastive Discourse Analysis of Modifications in Popularizing Science through Digital Media Novos percursos da ciência: as modificações da divulgação científica no meio digital a partir de uma análise contrastiva
0
0
28
RETOMANDO A AULA ANTERIOR
0
0
55
RETOMANDO A AULA ANTERIOR
0
1
33
Exercicios AULA 5 Completo Just In Time e Inventarios Acuracia
0
0
7
RETOMANDO A AULA ANTERIOR
0
0
50
Show more