Patológico

Correlação entre o exame clínico, a mamografia e a ultra-sonografia com o exame anátomo-patológico na determinação do tamanho tumoral no câncer de mama

... anátomo -patológico, após a ressecção cirúrgica da lesão. A análise comparativa foi feita através do coeficiente de correlação de Pearson. RESULTADOS: O coeficiente de correlação de Pearson encontrado entre o exame anátomopatológico e o exame clínico foi de 0,80; entre o exame anátomo -patológico e a mamografia foi de 0,75 e entre o exame anátomo -patológico ... A ULTRA-SONOGRAFIA COM O EXAME ANÁTOMO-PATOLÓGICO NA DETERMINAÇÃO DO TAMANHO TUMORAL NO CÂNCER DE MAMA UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS FACULDADE DE MEDICINA BELO HORIZONTE 2006 Fernanda Monteiro de Paula Siqueira CORRELAÇÃO ENTRE O EXAME CLÍNICO, A MAMOGRAFIA E A ULTRA-SONOGRAFIA COM O EXAME ANÁTOMO-PATOLÓGICO NA DETERMINAÇÃO DO TAMANHO TUMORAL ... pela lesão................................................................................................................................. 62 TABELA 6: Distribuição da freqüência dos 184 casos de acordo com o tipo histopatológico de câncer de mama........................................................................................................... 63 TABELA 7: Correlação entre exame anátomo -patológico e exame clínico, mamografia e ultra-sonografia................................................................................................................
 0  2  90

Estudo patológico, padronização e uso da imuno-histoquímica em animais experimentalmente e naturalmente infectados com clostrídios histotóxicos

... Prhiscylla Sadanã Pires ESTUDO PATOLÓGICO, PADRONIZAÇÃO E USO DA IMUNOHISTOQUÍMICA EM ANIMAIS EXPERIMENTALMENTE E NATURALMENTE INFECTADOS COM CLOSTRÍDIOS HISTOTÓXICOS Dissertação apresentada à Universidade ... Medicina Veterinária Preventiva Orientador: Prof. Dr. Francisco Carlos Faria Lobato Belo Horizonte UFMG-Escola de Veterinária 2011 P667e Pires Prhiscylla Sadanã, 1985Estudo patológico, padronização e uso da imuno-histoquímica em animais experimentalmente e naturalmente infectados com clostrídios histotóxicos / Prhiscylla Sadanã Pires. – 2011. 61 ... cepas. Além disso, estabeleceu-se e etiologia das mionecrose em um estudo retrospectivo de amostras provenientes de bovinos do Mato Grosso do Sul (MS) com diagnóstico clínico e/ou patológico de mionecrose. Os anticorpos primários foram obtidos após repetidas inoculações (dias 0, 28, 49, 70 e 91) de coelhos com cepas de referência de clostrídios histotóxicos.
 0  2  61

Instabilidade de microssatélites em carcinoma colorretal de pacientes jovens por técnicas de biologia molecular em amostras processadas rotineiramente para diagnóstico anátomo-patológico

... DIAGNÓSTICO ANÁTOMOPATOLÓGICO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS BELO HORIZONTE 2007 2 ERNANDA RAQUEL DE QUEIRÓS GONÇALVES DE SOUSA E FERNANDES INSTABILIDADE DE MICROSSATÉLITES POR TÉCNICAS DE BIOLOGIA MOLECULAR EM AMOSTRAS DE PACIENTES JOVENS COM CARCINOMA COLORRETAL PROCESSADAS ROTINEIRAMENTE PARA DIAGNÓSTICO ANÁTOMOPATOLÓGICO Dissertação ... pacientes jovens processadas rotineiramente para diagnóstico anátomo -patológico. 2. OBJETIVOS 23 O objetivo geral deste trabalho é padronizar o método de biologia molecular para a detecção de IMS em amostras de CCR de pacientes jovens processadas rotineiramente para diagnóstico anátomo -patológico. São objetivos específicos: a. Padronizar o método ... da instabilidade de microssatélites – classificação do status erros de replicação do DNA 34 5.3. Correlação da instabilidade microssatélites com os dados clínico- patológicos dos carcinomas colorretais 46 6. DISCUSSÃO 49 7. CONCLUSÕES 58 8. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS 60 Anexos LISTA DE FIGURAS 13 Figura
 1  4  92

Carcinoma de pequenas células do esôfago: estudo clínico patológico de dois casos.

... pequenas células do esôfago: estudo clínico patológico de dois casos. ABCD Arq Bras Cir Dig 2008;21(1):38-40 RESUMO – Racional - O carcinoma de pequenas células primário do esôfago é tumor raro, agressivo, morfologicamente indistinguível de seu correspondente no pulmão. Objetivo - Apresentar os aspectos clínico-patológicos de dois pacientes com carcinoma ... Exame anatomopatológico característico de carcinoma de pequenas células do esôfago (H & E 400x). Paciente 2 : masculino, 55 anos, branco, com disfagia progressiva há seis meses, rouquidão, pirose e emagrecimento de 10 kg. A endoscopia digestiva alta mostrou lesão vegetante, obstrutiva a 30 cm da arcada dentária superior. O exame anatomopatológico revelou ... após tratamento quimioterápico e observaram tumor residual em todos os casos. O exame histopatológico das peças cirúrgicas revelou carcinoma de pequenas células em dois casos, carcinoma espinocelular 40 Carcinoma de pequenas células do esôfago: estudo clínico patológico de dois casos em um e adenocarcinoma em outro paciente. O segundo paciente deste
 0  3  3

Prevalência e fatores associados à percepção de ocorrência de corrimento vaginal patológico entre gestantes.

... gravidez anterior, realização de citopatológico e índice de massa corporal atual Assistência à gestação atual: idade de início do pré-natal, número de consultas e local em que foram realizadas Morbidade atual: diabetes, infecção do trato urinário e ganho de peso durante a gestação Percepção de corrimento vaginal patológico entre gestantes Tabela ... consumiram álcool e que referiram infecção do trato urinário na gestação atual e corrimento vaginal patológico na gravidez anterior. O relato de parto prematuro em gestação prévia mostrou-se um fator de proteção à percepção de ocorrência de corrimento vaginal patológico. Corrimento vaginal é motivo freqüente de consulta médica, sobretudo no período gestacional ... de corrimento patológico neste estudo, há que se considerar a possibilidade de superestimativa de prevalência desta doença, visto que se baseia na percepção da gestante. Por exemplo, o aumento da secreção vaginal decorrente da maior transudação e produção de muco cervical, típicos da gravidez, pode estar sendo interpretado como corrimento patológico pela
 0  3  10

Cárie dentária em crianças como fenômeno natural ou patológico: ênfase na abordagem qualitativa.

... Cárie dentária em crianças como fenômeno natural ou patológico: ênfase na abordagem qualitativa Dental caries in children as a natural or pathological phenomenon: emphasis in a qualitative approach ARTIGO ARTICLE 161 Priscila ... se trabalhar, de forma contextualizada, a falta de informação e os conceitos que ainda persistem, como a crença que a cárie dentária é um fenômeno “natural” e não um processo patológico. Palavras-chave Cárie dentária, Metodologia qualitativa, Pré-escolar 162 Bardal, P. A. P. et al. Introdução A família é um dos contextos mais importantes ... do biofilme dental (Lemos et al.29). Pelo fato de as doenças bucais mais freqüentes – cárie e doença periodontal – não serem letais, observa-se certa naturalização do processo patológico (Vasconcelos & Amaral4). Minayo18 refere que na aparente simplicidade de uma manifestação sobre saúde, os sujeitos individuais projetam sua visão da sociedade e da
 0  3  7

Descontinuidades e ressurgências: entre o normal e o patológico na teoria do controle social.

... fenômenos normais e patológicos tanto no âmbito individual quanto no social. Comte inicia a publicação de seu Curso de filosofia positiva a partir de 1830, e logo a discussão sobre normalidade e patologia passa a ocupar lugar de destaque em seu sistema teórico. Vejamos que sentidos Comte atribui a esses conceitos. Em O normal e o patológico (2006), ... alguns casos nos quais o princípio mostra-se válido, sem elencar meios para medir a variação de grau que distingue o normal do patológico4 , o que o leva a qualificar os estados de excesso (mais do que os de falta) de nocivos, portanto, patológicos. A recomendação terapêutica era a redução de estímulos como purgante, sangria, dieta, frio etc. (Canguilhem, ... obra3, e parece justificar a tendência à estabilidade que ele identifica como a norma nos processos sociais. Sendo assim, a distinção entre os processos socialmente normais e patológicos é fundamental para que a ‘física social’ – designação inicial da ciência posteriormente batizada ‘sociologia’ por Comte – possa orientar adequadamente a sociedade para
 0  9  22

O peso do patológico: biopolítica e vida nua.

... seu prosseguimento. Baseado nesse raciocínio, ressalta, ainda, que aquilo que é diferente da norma não é patológico, acrescentando que o anormal não corresponde ao patológico, mas o patológico é sempre anormal. Vale dizer que, nessa perspectiva, o patológico indicaria outra modalidade possível de vida: Nenhum fato dito normal, por ter se tornado normal, ... sintoma indicava agora o patológico, por sua oposição a um fenômeno da vida orgânica. Anteriormente a Foucault, em O normal e o patológico Canguilhem (2002) analisou a construção dos conceitos médico-científicos. Seu primeiro questionamento dizia respeito à ideia, construída sob um referencial positivista e racional, de que o fenômeno patológico seria uma ... O peso do patológico O peso do patológico: biopolítica e vida nua The weight of pathological: bio-politics and bare life Cristiane Marques Seixas Psicanalista; doutoranda pelo Programa de Pós-graduação
 0  6  14

A velhice, entre o normal e o patológico.

... A VELHICE A velhice, entre o normal e o patológico Old age, normality versus pathology GROISMAN, D.: ‘A velhice, entre o normal e o patológico? ?. História, Ciências, Saúde — Manguinhos, Rio de Janeiro, vol. 9 (1):61-78, jan.-abr. 2002. Com a ascensão do envelhecimento ... da energia vital em favor de outro modelo, baseado na degeneração dos tecidos. Se, antes, o estado patológico parecia diferir da normalidade apenas em grau, com o trabalho de Bichat e daqueles que o seguiram, a velhice passou a ser vista como um estado patológico qualitativamente diferente, com uma natureza fisiológica própria. Nossa breve história ... organismo às vezes atingem um ponto em que os estados fisiológicos e patológicos aparentam fundir-se em uma imperceptível transição, não sendo mais distinguíveis”.1 Mas até mesmo o próprio Nasher (apud Haber, op. cit., p. 77) tinha algumas dificuldades para distinguir entre o estado normal e o patológico na velhice. “É impossível”, escreveu ele, “traçar uma
 0  4  18

Métodos por imagem da aterosclerose em estudos de progressão/regressão: marcador substituto ou janela direta para o processo patológico da aterosclerose?.

... Artigo de Revisão Métodos por Imagem da Aterosclerose em Estudos de Progressão/ Regressão: Marcador Substituto ou Janela Direta para o Processo Patológico da Aterosclerose? Atherosclerosis Imaging in Progression/Regression Trials: Surrogate Marker or Direct Window into the Atherosclerotic Disease Process? Paul Schoenhagen ... progride insidiosamente ao longo de muitas décadas antes de repentinamente causar manifestações clínicas2. O desafio clínico continua sendo identificar e modificar o processo patológico em seus estágios subclínicos iniciais. Estratégias atuais de abordagem global da redução de risco incluindo dieta, exercícios físicos e intervenção farmacológica reduzem ... modalidades não invasivas que incluem TC e RM. Esses exames medem uma grande variedade de características da anatomia e fisiologia vascular, sendo que todas refletem o processo patológico da aterosclerose, a progressão/regressão, e a estabilidade da placa. No entanto, a correlação dessas abordagens entre si não é completamente compreendida. Esta revisão
 0  3  14

Teratoma cístico da órbita: estudo clínico patológico: relato de caso.

... orbitário congênito de grande tamanho, ocorrendo em criança recém-nascida. A paciente foi submetida a exenteração da órbita e o diagnóstico anatomopatológico foi de teratoma cístico. Os aspectos clínico-patológicos desta rara doença são comentados. Descritores: Neoplasias orbitárias; Teratoma; Teratoma/patologia; Teratoma/congênito; Teratoma/terapia; ... RELATOS DE CASOS Teratoma cístico da órbita - estudo clínico patológico: relato de caso Cystic orbital teratoma - clinicopathologic study: case report Iluska Fagundes Andrade1 Mônica F. Pombo Hilarião2 Ricardo Carvalho Rocha3 Eduardo ... preenchida por tumor com densidade heterogênea, compatível com partes moles, exibindo áreas de Arq Bras Oftalmol. 2008;71(3):419-22 420 Teratoma cístico da órbita - estudo clínico patológico: relato de caso calcificação e císticas, sem aparente extensão intracraniana (Figura 1B). A suspeita diagnóstica foi de teratoma cístico de órbita. A paciente foi
 0  2  4

Cisto ósseo aneurismático orbitário - estudo clínico-patológico: relato de caso.

... RELATOS DE CASOS Cisto ósseo aneurismático orbitário - Estudo clínicopatológico: relato de caso Aneurysmal bone cyst of the orbit - A clinicopathological study: case report Eduardo F. Marback1 Murilo Neves2 Roberto L. Marback3 RESUMO O cisto ... intra-ósseas. Relatamos um caso de cisto ósseo aneurismático orbitário, encaminhado com suspeita clínica e radiológica de cisto dermóide, comentando seus aspectos clínicos e anátomo-patológicos. Descritores: Órbita/patologia; Cistos ósseos aneurismáticos; Cistos ósseos aneurismáticos/ patologia; Cistos ósseos aneurismáticos/diagnóstico; Cistos ósseos aneurismáticos/ ... submetido à orbitotomia lateral. Durante a remoção do arco zigomático, que apresentava espessura bastante diminuída, houve Cisto ósseo aneurismático orbitário - Estudo clínico -patológico: relato de caso 869 AB CD Figura 1 - A) Foto clínica. Leve aumento de volume em região súpero-externa da órbita esquerda; B) Ressonância nuclear magnética
 0  5  3

Estudo clínico-patológico do pilomatrixoma palpebral: experiência no hospital universitário Prof. Edgard Santos.

... aventado pré-operatoriamente. Nos outros casos, o diagnóstico de pilomatrixoma foi feito após identificação dos achados característicos ao estudo anatomopatológico. Nos casos 1, 3 e 4 o padrão anatomopatológico mostrou células dos tipos basalóide e fantasma em proporção equilibrada. O caso 2 exibia predomínio de células tipo fantasma. Em todos os casos ... sintomatologia médio foi de cinco meses, variando de 2 a 12. Em três casos a lesão localizava-se na pálpebra inferior. Em apenas um caso o diagnóstico clínico foi correto. Ao exame anatomopatológico, dois casos apresentavam pseudocápsula. O caso cuja sintomatologia foi mais prolongada exibia predominância de células do tipo fantasma. Reação tipo corpo estranho foi ... 2004 para identificar os casos de tumor palpebral e, dentre estes, os de pilomatrixoma. Os prontuários foram revisa- Arq Bras Oftalmol. 2007;70(3):501-3 502 Estudo clínico -patológico do pilomatrixoma palpebral: experiência no hospital universitário Prof. Edgard Santos dos sendo anotados dados referentes ao gênero, idade, tempo de sintomatologia,
 0  3  3

Síndrome de Melkersson-Rosenthal: estudo clínico-patológico de um caso.

... RELATOS DE CASOS Síndrome de Melkersson-Rosenthal: clínico -patológico de um caso estudo Melkersson-Rosenthal syndrome: clinicopathologic study of one case Lívia Maria Bittencourt Nossa1 Andrea Leone Costa1 Roberto Lorens Marback2 RESUMO Objetivo: Descrever os achados clínico-patológicos de um paciente com apresentação monossintomática ... alternante, edemas recorrentes de face, pálpebras e lábios. Queilite e língua fissurada completam o quadro clínico(1). Entretanto, recentemente novos aspectos clínicos e histopatológicos foram acrescentados à referida síndrome(2). Alguns destes aspectos foram observados em um paciente e não foram por nós encontrados na literatura oftalmológica brasileira ... tomografia das órbitas revelou imagem captante nas pálpebras superiores (Figura 1). Foi submetido, sob anestesia local, à orbitotomia anterior direita superiormente. O estudo histopatológico do material obtido revelou processo inflamatório crônico discreto, inespecífico, associado a edema. Diante da possibilidade diagnóstica de pseudotumor inflamatório linfocítico
 0  4  3

A importância da phmetria esofágica prolongada na pesquisa do refluxo gastroesofágico patológico em crianças.

... ARQGA / 900 ARTIGO ORIGINAL / ORIGINAL ARTICLE A IMPORTÂNCIA DA pHMETRIA ESOFÁGICA PROLONGADA NA PESQUISA DO REFLUXO GASTROESOFÁGICO PATOLÓGICO EM CRIANÇAS Valter Nilton FELIX* e Ricardo Guilherme VIEBIG** RESUMO - Estudos realizados nas duas últimas décadas demonstraram a possibilidade de ter-se com certa ... SP. V. 36 - no. 4 - out/dez. 1999 Arq Gastroenterol 201 Felix VN, Viebig RG. A importância da pHmetria esofágica prolongada na pesquisa do refluxo gastroesofágico patológico em crianças INTRODUÇÃO A anatomia da transição esofagogástrica (TEG) muda com o crescimento do ser humano. Em recém-nascidos há grandes variações anatômicas mas, ... pode conceber como “refluxo fisiológico”. A pHmetria prolongada do esôfago surgiu como método capaz de passar a limpo todas as possibilidades e determinar se há ou não “refluxo patológico? ?? em um determinado indivíduo. TUTTLE e GROSSMAN(20) descreveram teste de refluxo ácido usando eletrodo esofágico de pH, com a finalidade de detectar se havia refluxo
 0  4  6

Neurocisticercose: estudo clínico e patológico de 27 casos de necrópsia.

... Arq Neuropsiquiatr 2000;58(3-B):883-889 NEUROCISTICERCOSE ESTUDO CLÍNICO E PATOLÓGICO DE 27 CASOS DE NECRÓPSIA MÁRIO RODRIGUES MONTEMÓR NETTO**, EMERSON LEANDRO GASPARETTO***, LEONARDO NERCOLINI FAORO***, JORGE SÉRGIO REIS FILHO** GUILHERME SANDRINI ... leptomeninges, com consequente aparecimento de sintomas, está relacionado com a resposta imune do hospedeiro, ao número e à fase de involução dos parasitas . Relatamos os achados anatomopatológicos durante a necrópsia em 27 casos de neurocisticercose, que corresponderam a 3,1% dos casos necropsiados no serviço. 77% dos pacientes eram masculinos, com idade variando ... inaptidão temporária ou permanente que ocasiona em indivíduos em idade produtiva, mas também pelo alto custo de seu diagnóstico e tratamento. Apresentamos achados clínicos e anatomopatológicos de 27 casos de NCC em pacientes autopsiados no Serviço de Anatomia Patológica (SAP) do Hospital de Clínicas (HC) da Universidade Federal do Paraná (UFPR). MÉTODO Este
 0  4  7

Meningiomas: estudo epidemiologic e anátomo-patológico de 304 casos.

... MENINGIOMAS ESTUDOEPIDEMIOLÓGICOE ANÁTOMO-PATOLÓGICO DE 304 CASOS LUIZ FERNANDO BLEGGI TORRES*, LUIZ ERNANI MADALOZZO**, BETINA WERNER*, LÚCIA DE NORONHA*, GRACIELA V. VICELLI JACOB*, BRUNO C. MEDEIROS*, EMILIANO N. ... features. KEY WORDS: brain tumor, meningioma, epidemiology, histopathology. O conhecimento do comportamento biológico das neoplasias depende diretamente do correto diagnóstico anátomo -patológico e de elementos clínicos e epidemiológicos. Inúmeros estudos demonstram a relação entre o meio ambiente e o desenvolvimento de algumas neoplasias. Diante disto, em 1990, ... meningiomas avaliando-se estatisticamente as variáveis sexo, idade e localização tumoral. Os dados clínicos dos pacientes foram obtidos diretamente das requisições de exame anátomo -patológico. Todas as biópsias foram processadas por técnicas histológicas convencionais e alguns casos selecionados foram estudados por microscopia eletrônica2 e imuno-histoquímica31.
 0  3  8

Paralisia periódica: estudo anátomo-patológico do músculo esquelético de 14 pacientes.

... ESTUDO ANÁTOMO-PATOLÓGICO DO MÚSCULO ESQUELÉTICO DE 14 PACIENTES CÉLIA HARUMI TENGAN*, ACARY SOUZA BULLE OLIVEIRA *, MARIA DA PENHA ANANIAS MORITA *, BEATRIZ HITOMIKIYOMOTO*, BENY SCHMIDT**, ... (raros, freqüentes ou abundantes). Também foi verificada a presença de agregados tubulares, verificando-se em qual tipo de fibra estavam presentes (I ou II). Os achados anatomopatológicos foram relacionados a alguns dos aspectos clínicos, como freqüência das crises e tempo de evolução da doença. A freqüência das crises foi classificada em freqüente (crises ... em 1966, na forma hipercalêmica, e por Odor et a l . 2 4 em 1967, na forma hipocalêmica. São estruturas de aparecimento raro, mas também pouco lembradas no diagnóstico anatomopatológico da PP, dando-se maior importância para os vacúolos. Os agregados podem estar associados a várias desordens musculares, como miopatia alcóolica, miopatia inflamatória,
 0  3  9

Neuropatia pela amiodarona: estudo clínico-patológico de dois casos.

... NEUROPATIA PELA AMIODARONA ESTUDO CLÍNICO-PATOLÓGICO DE DOIS CASOS J. A. MACIEL Jr.* — L. QUEIROZ ** R E S U M O — D o i s p a c i e n t e s , u m a m u l h e r d e 40 a n o s e u m h o m e m d e 75 a n o s , a p r e ... (hemograma, dosagem de vitamina B ^ , ácido fólico e perfil hepático), exame do liqüido cefalorraquidiano (LCR) e biópsia neuromuscular com estudo ultraestrutural. Os achados clínico-patológicos estão resumidos na tabela 2. Faculdade de Ciências Médicas da UNICAMP: * Professor Assistente Doutor do Departamento de Neurologia; ** Professor Assistente D o u t ... normal neuropatía axonal, depósitos lipidíeos neuropatía desmielinizante, depósitos lipidíeos Tabela 2 — Neuropatía induzida pela realizado. amiodarona: achados clínico-patológicos. NR, não Caso 1 — A F , paciente com 75 anos, do sexo masculino, encontrava-se em uso de cloridrato de amiodarona (400mg/dia, segunda a sexta-feira) há 6 anos
 0  4  5

Meningoencefalite linfocitária difusa aguda: relato de um caso clínico-patológico.

... MENINGOENCEFALITE LINFOCITÁRIA DIFUSA AGUDA RELATO DE UM CASO CLÍNICO-PATOLÓGICO JOSÉ EYMARD HOMEM PITTELLA * GERALDO BRASILEIRO FILHO * CARLOS MILTON COUTINHO OTTONI ** A meningoencefalite linfocitária difusa aguda, descrita inicialmente na literatura ... sido obtida resposta. Neste mesmo dia foi realizado eletrencefalograma que mostrou traçado isoelétrico. No terceiro dia de internação no CTI foi constatado o óbito. Exame Anatomopatológico — Os achados mais importantes, excetuando congestão e edema pulmonar de grau moderado, estavam limitados ao sistema nervoso central. O encéfalo pesou 1440g e, macroscopicamente, ... descrito na meningoencefalite linfocitária difusa aguda 10,12,18. Embora outras manifestações neurológicas possam estar presentes 3,io,2if n ã o o são obrigatoriamente. Os achados patológicos à autópsia do caso ora estudado, como os da literatura, estavam praticamente limitados ao encéfalo e evidenciavam infiltrado inflamatório predominantemente linfocitário,
 0  5  9

Tuberculomas intracranianos: estudo clínico e patológico.

... TUBERCULOMAS INTRACRANIANOS ESTUDO CLINICO Ε PATOLÓGICO MARCO AURÉLIO LANA-PEIXOTO * JOSE EYMARD HOMEM PITELLA * EDUARDO ALVES BAMBIRRA * EUSTAQUIO MARTINS GOMES AROUCA ** Os tuberculomas constituem ainda uma das mais comuns ... anos e 4 meses). Todos os casos com diagnóstico de lesão expansiva intracraniana foram revistos em função da história clínica, exames complementares, achados cirúrgicos e anátomo-patológicos. Os casos de tuberculomas intracranianos foram então separados e as lâminas histológicas examinadas confirmando o diagnóstico. Os prontuários médicos dos pacientes
 0  3  13

Estudo anátomo-patológico do encéfalo na cardiomegalia idiopática.

... 1971. 7. QUEIROZ, A. C. — Estudo anátomo -patológico do encéfalo na forma crônica da doença de Chagas. A aparecer na Revista de Patologia Tropical de Goiânia. 8. RAZO, P. & TAFURI, W. L. — O peso do encéfalo normal no brasileiro adulto. An. Fac. Med. Univ. Minas Gerais 20:231, 1960. 9. ROTERS, F. — Estudo anatomopatológico de 21 casos de pacientes portadores ... acompanhada de fenômenos tromboembólicos. Seu diagnóstico é feito segundo critérios já bem estabelecidos10. É uma cardiopatia que apresenta muitos aspectos clínicos e anátomo-patológicos semelhantes aos da cardiopatia chagásica, doença altamente prevalente em nosso meio, havendo casos em que as primeiras manifestações clínicas estão ligadas a fenômenos
 0  3  7

Sobressalto patológico: aspectos clínicos e eletrencefalográficos.

... R E G I S T R O DE C A S O S SOBRESSALTO PATOLÓGICO: ASPECTOS CLÍNICOS E ELETRENCEFALOGRÁFICOS FREDERICO D A H N E K L I E M A N N ; NELSON PIRES FERREIRA A influência dos estímulos sensitivos e sensoriais no desencadeamento ... nenhum dos quadros precedentes, epilepsia sobressalto e sincinesia sobressalto. E m face disto, admitiram a existência de uma doença do sobressalto autônoma, em que o sobressalto patológico é a única manifestação clínica. A singularidade das manifestações clínicas do presente caso e a raridade de comunicações nacionais sobre o tema justificam a publicação ... situação com aquela descrita por Boudouresques e col.6. Acreditamos que, da mesma maneira como no caso por eles descrito, estamos em presença de uma síndrome em que o sobressalto patológico é a única manifestação clínica, doença do sobressalto autônoma. E m face do longo período de evolução do nosso caso sem modificações do quadro clínico, acreditamos que
 0  3  8

Distrofia muscular progressiva: conceito clínico-patológico e formas clínicas.

... DISTROFIA MUSCULAR PROGRESSIVA CONCEITO CLÍNICO-PATOLÓGICO E FORMAS CLÍNICAS JOSÉ ANTONIO LEVY * A distrofia muscular progressiva (D.M.P.), afecção primitiva dos músculos, de caráter degenerativo, progressiva e irreversível, ... focalizar cada caso clínico com radical desconfiança para o diagnóstico mais provável, mais razoável e mais simples, porque pode estar errado" ( M o y a 1 1 ) . O quadro histopatológico da distrofia muscular progressiva caracteriza-se pela presença de fibras musculares de tamanho normal ao lado de outras de volume aumentado ou diminuído em meio a tecido ... lesão do neurônio motor periférico, existiam nítidas alterações primárias do tecido muscular; em dois pacientes desse grupo de 17 casos, Haase e S h y 7 verificaram um quadro histopatológico idêntico ao observado na D.M.P., enquanto que 3 casos apresentavam apenas comprometimento de neurônios motores periféricos; nos 2 casos restantes a biopsia não mostrou
 0  2  9

Porfiria aguda intermitente: estudo anátomo-patológico de um caso.

... R E G I S T R O DE C A S O S PORFIRIA AGUDA INTERMITENTE. ESTUDO ANÁTOMOPATOLÓGICO DE UM CASO JOSÉ A N T O N I O L E V Y * GILLES HENRI DUCHÊNE *** JOSÉ L O P E S DE F A R I A * * SYLVIO SARAIVA **** As porfirias são moléstias decorrentes ... apendicectomizada. Há 7 meses foi feita colecistectomia, por apresentar quadro clínico sugestivo de colecistite crônica, sendo, de fato, confirmado tal diagnóstico, pois o exame histopatológico da peça cirúrgica revelou colecistite e colangite crônicas. No 5« dia de pós-operatório, ao levantar-se, a paciente perdeu a força nos membros inferiores, caindo ao ... paciente teve nova fase de reagudização, durante a qual apresentou crises de insuficiência respiratória; apesar de ter sido colocada em pulmão de aço, veio a falecer. Exame anátomo -patológico — Broncopneumonia bilateral, final, confluente, mais intensa no pulmão esquerdo; miocárdio, baço e, em maior grau, o fígado e rins se apresentam de côr escura; discreta
 0  2  6

Documento similar


Feedback